A Gestão de Qualidade na Segurança Privada

A gestão da qualidade no mercado de Segurança Privada no Brasil ainda é um tema pouco explorado pelas empresas de prestação de serviços. A crescente profissionalização dos contratantes e o estabelecimento acirrado da concorrência direcionam as empresas de terceirização a encontrar alternativas de assegurar a manutenção da sua carteira de Clientes e a continuidade dos negócios. Implantar um sistema de gestão da qualidade é uma opção extremamente eficiente para enfrentar os desafios desse cenário competitivo. 


O setor de Segurança Privada impulsiona a economia, através da geração de milhares de empregos diretos e indiretos. O segmento, apesar de todas as dificuldades e do momento econômico delicado, registra crescimento das atividades, alavancado pela demanda preventiva do setor produtivo (indústrias e empresas), pela impressionante multiplicação de condomínios residenciais e pela insegurança pública em geral. 


Esse cenário é o ambiente ideal para o surgimento de novas empresas de Segurança, que visam suprir a crescente demanda. O grande número de empresas de prestação de serviços tornou o mercado extremamente competitivo.


Como forma de se manter no negócio e de se destacar entre os demais concorrentes, as empresas de segurança buscam estratégias para desenvolver diferenciais de mercado. A gestão de qualidade é uma poderosa ferramenta de transformação empresarial, capaz de gerar inúmeros ganhos à organização, como satisfação dos Clientes, a padronização dos procedimentos, a qualificação dos colaboradores e a redução de custos. 


Mesmo com tantos motivos para desenvolver programas efetivos de gestão da qualidade, o tema ainda é pouco explorado. Poucas empresas de Segurança desenvolvem o assunto com a relevância e profundidade que merece, e são essas que têm conseguido bons resultados, ampliando a participação no mercado e fidelizando Clientes.


Parte vital de qualquer empresa de Segurança, o Departamento Operacional, entre tantas áreas-foco do sistema de gestão da qualidade, é o coração de todo o processo. Nos próximos artigos que serão publicados no site da Muralha, vamos tratar da importância de uma implantação coerente e bem sucedida, da elaboração da politica da qualidade e dos objetivos da qualidade, de formas de manter elevados os níveis de prestação de serviço, através do desenvolvimento de procedimentos operacionais, da formalização de uma política de treinamentos e da execução das atividades de supervisão. 

 

Gabriel Ribeiro Tinoco

DSE, ASE, CES é Diretor Financeiro e Comercial do Grupo Muralha. Administrador de Empresas pela PUC-SP. Pós-graduado em Planejamento e Controle Empresarial pela FAAP-SP. MBA em Direção de Segurança Empresarial pela Universidade Comillas de Madrid – Espanha. MBA em Gestão Estratégica de Segurança pela Universidade Anhembi-Morumbi. Master em PNL. Certificado de Especialista em Segurança pela ABSO. Certificado de Analista de Segurança Empresarial pela ABSEG. Diretor de Segurança Privada da ABSEG. Presidente da ASIS Chapter 214 – São Paulo – Brasil. Colunista de jornais e revistas.