Notícias da Segurança Privada

Segurança Pessoal. Um desafio à excelência!

Segurança Pessoal. Um desafio à excelência!


Para ter sucesso, a estrutura de segurança pessoal têm que ir além do fundamental trabalho de campo.

A atividade de segurança privada, por suas características e responsabilidades é naturalmente um grande desafio para os profissionais de segurança, afinal de contas não existe margem para erros. Quando lidamos com segurança pessoal privada, ou segurança executiva, a complexidade da prestação dos serviços aumenta consideravelmente, uma vez que cada cliente é único, com características próprias e necessidades especificas. 

O trabalho da equipe de segurança pessoal começa com uma criteriosa análise de riscos onde são identificadas as vulnerabilidades as quais o cliente está exposto. A seguir, são discutidas medidas necessárias para mitigar os riscos encontrados, que vão desde o correto dimensionamento dos profissionais diretamente envolvidos, passando pela escolha dos equipamentos de apoio até a criação de normas e procedimentos específicos da equipe de segurança. 

O recrutamento dos agentes de segurança pessoal deve estar alinhado ao perfil de cada cliente, respeitando suas particularidades, cultura e costumes. O treinamento da equipe de segurança precisa ser preparado com cautela e rigor. Os agentes têm que iniciar o treinamento operacional e comportamental com bastante antecedência em relação à data de inicio da prestação dos serviços.

Outro fator primordial para o sucesso do serviço é o trabalho de inteligência. Para ser bem sucedida, a equipe de segurança pessoal deve adotar uma postura pro ativa, antecipando situações que podem colocar em risco a segurança de seus protegidos. Isso só é possível se houver um prévio mapeamento dos cenários atuais acompanhado da analise constante de variáveis que podem afetar ou mudar esses padrões.

O papel da equipe de segurança privada precisa quebrar paradigmas e ir além do tradicional trabalho de campo. É de extrema importância zelar pelas informações que envolvem seus clientes e parentes. Por exemplo, matérias veiculadas em revistas de celebridades, se não forem publicadas com responsabilidade podem expor demasiadamente os envolvidos, principalmente quando envolvem cifras de negócios e/ou valores de bens e imóveis. Não é difícil encontrar reportagens com perguntas do tipo: qual o item mais caro que você já comprou?

O cuidado com as informações do cliente não para por aí. Chamamos de "investigação social" a busca e coleta de informações relacionadas a hábitos e rotinas dos protegidos. É de responsabilidade da segurança, evitar que os criminosos obtenham esses dados. O trabalho vai desde o simples, porém importante descarte de correspondências e extratos bancários até o sofisticado treinamento de empregados e prestadores de serviços que trabalham com o cliente e conhecem sua rotina, pois caso sejam alvos de uma "investigação social" não podem passar informações a estranhos, mesmo que de forma inconsciente ou involuntária. 

Como vimos, a estrutura de segurança pessoal têm que ir além do fundamental trabalho de campo. As rotinas de inteligência e contra-inteligência se mostram cada vez mais relevantes. Em suas atribuições e rotinas, esse tipo de prestação de serviço é inegavelmente um constante desafio à excelência, pois exige cada vez mais preparo e qualificação dos profissionais envolvidos.

Gabriel Tinoco

DSE, ASE, CES, Administrador de empresas pela PUC-SP. Pós-graduado em planejamento e controle empresarial pela FAAP-SP. Pós-graduado em gestão estratégica em segurança empresarial pela Universidade Anhembi Morumbi. MBA em Direção Empresarial pela Universidade Pontifícia Comillas de Madrid – Espanha. Formado na 1ª turma do curso de gestão e controle da segurança privada pela Fundação Brasileira de Ciências Policiais da Polícia Federal. Master em PNL. Certificado de especialista em segurança pela ABSO e pela ABSEG. Sócio Administrador do Grupo Muralha.

O Grupo Muralha se preocupa com a sua privacidade e está empenhado em tratar com segurança e sigilo os seus dados pessoais, em consonância com a Lei Geral de Proteção de Dados - LGPD (Lei 13.709/2018). Contato de nosso encarregado de proteção de dados pessoais: [email protected]

sair